sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Tudo de uma vez

Venho pra net e abro doze páginas de uma vez só. Começo um livro e mais outros três. Não consigo fazer uma coisa de cada vez. Não consigo pensar em uma cada uma.
 À noite, meu pensamento viaja, em mil mundos em mil lembranças. De hoje, do dia, do ontem. Do que vai acontecer, do que vão acontecer.

Amo.Tudo de uma vez.Pessoas, coisas, cheiros, toques, visões.
Percebo.Cada vez mais.
Sinto.Tristeza, alegria, fantasia.Tudo de uma vez só.
Sonho.Vários.Um, dois,três.
Quero. Em várias medidas, mais uma vez, mais uma vez...

Nenhum comentário:

Postar um comentário